A Praça São Pedro

A Praça São Pedro pode ser considerada uma das praças mais famosas e visitadas no mundo todo. Podendo abrigar milhares de pessoas, é um símbolo do cristianismo e muito visitada por peregrinos que fazem visita ao Vaticano.

Localizada bem em frente à Basílica de São Pedro, no Vaticano, a praça passou a ter características barrocas em sua estrutura, muito diferente do que era antes.

De início a Praça de São Pedro era apenas um imenso espaço retangular com piso de terra. Surpreendentemente não possuia nenhum adorno, escultura ou qualquer outro enfeite a não ser o obelisco e uma fonte.

Atualmente é uma das praças mais lindas do mundo e ainda responsável por abrigar as principais missas e eventos religiosos.

Obelisco Praça São Pedro

Como foi construída a Praça São Pedro

A Praça de São Pedro foi projetada e construída por Gian Lorenzo Bernini e o seu processo de construção foi extremamente trabalhoso pelo fato das características e dimensões do terreno.

Em 1656 o Papa Alexandre VII encarregou Bernini de aperfeiçoar a praça que estava bem em frente à Basílica de São Pedro impondo uma condição: que os peregrinos deveriam ter a capacidade de entrar e olhar o local em que o papa dá a sua benção.




Assim começou todo o processo de construção da praça, onde o artista Bernini usou a sua criatividade, incluindo conceitos barrocos, com a intenção de unir dois espaços abertos e atender a exigência do Papa Alexandre VII.

A praça foi construída pensando em dar todo um contexto religioso para ela, já que era a porta de entrada para a Basílica de São Pedro.

Bernini realizou a elaboração de seu projeto de modo que se tornasse um espaço sobretudo interativo. A área lateral rodeada de colunas foi pensada para que os peregrinos se sentissem abraçados e conduzidos para o templo.

A área da praça foi criada com a intenção de simbolizar a Igreja Mãe, que abraça e acolhe todos os cristãos fiéis ao evangelho, possuindo 320 metros de profundidade e diâmetro de 240 metros. 

A Praça e Basílica São Pedro

Quando visitar a Praça São Pedro

Se você não gosta de multidões, é indicado que você visite a Praça de São Pedro quando o papa não estiver por lá, pois todas as vezes em que ele aparece há sempre uma multidão querendo vê-lo. Por outro lado, se a sua intenção é justamente ver o papa, estes dias são os ideais.

Por ser uma praça localizada perto do Vaticano e considerada até a ‘’porta de entrada do Vaticano’’, é interessante que você inclua ela durante a sua peregrinação. Todo peregrino vai ao Vaticano, então para aproveitar melhor a rota e o dia, faça esse percurso indo à praça e depois Vaticano.

O que ver a Praça São Pedro

A praça São Pedro é um lugar belíssimo, capaz de abrigar mais de 300 mil pessoas, ou seja, muita gente. Além de se impressionar pelo seu imenso tamanho, sendo a maior praça do mundo, é possível admirar as 284 colunas e 88 pilastras que estão ao redor de toda a praça.

Praça de São Pedro

No alto dessas colunas estão 140 estátuas religiosas que foram feitas pelos alunos de Bernini, cada uma possui 3,20 metros de altura. Como Bernini era um artista famoso do barroco, o estilo predominante na praça também é esse.

No centro da praça você também pode ver o obelisco central, que possui 40 metros de altura. O obelisco foi levado para Roma durante o reinado do imperador Calígula e colocado na praça no ano de 1585, após ordem do Papa Sisto V. O obelisco é uma obra tão pesada que foram necessários mais de 900 homens para poder levantá-lo.

Na praça também podemos ver duas fontes, uma obra de Bernini e a outra de Maderno. A fonte de Bernini só foi projetada e colocada depois da reformulação da praça. A intenção era que o obelisco fosse adornado por duas fontes, uma de  cada lado.

Em suma…

A Praça São Pedro é um símbolo de religiosidade no mundo todo. Milhares de peregrinos sempre decidem passar por ela para conhecê-la e visitar o estado do Vaticano.

Os seus detalhes e obras espalhadas por toda a praça chamam a atenção de qualquer pessoa principalmente por suas dimensões e pela forma em que foram dispostos na praça.

Colunas da Praça de São Pedro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: