Florença, o Que Fazer Em 2 Dias

Florença tem igrejas, sorveterias e museus de tirar o fôlego. Para que você possa ficar ciente, vamos mostrar o que é possível visitar em dois dias.

Principais atrações a serem visitadas na cidade de Florença, onde comer e dormir

A gastronomia de Florença é um dos principais atrativos para quem pretende conhecer esta cidade da Itália em dois dias. Por ser cidade pequena, há muito o que ser visto. Veja uma lista dos roteiros mais importantes:

1º dia

  • Duomo de Florença
  • Passeio pelo centrinho de Florença
  • Almoço no Grota Guelfa
  • Galeria Uffizi
  • Igreja Santa Croce

2º dia

  • Academia – O David de Michelângelo
  • Almoço no mercado de Florença
  • Igreja de San Lorenzo
  • Igreja de Santa Maria Novella
  • Igreja Orsanmichele
  • Caminhada pela Ponte Vecchio
  • Por do sol na Piazalle Michelangelo
  • Sorvete no Santa Trinitá

A região do centro é o melhor local para hospedagem. Conta com ótimos hotéis, e dá acesso aos principais pontos turísticos. Somente no centro, já temos acesso à Catedral de Florença.

 Na cidade, não há necessidade de transporte, podemos fazer tudo a pé. Somente na subida de Piazalle Michelangelo torna-se um pouco mais cansativo, mas vale a pena.

 Ainda dá para dividir o roteiro em arte, gastronomia, e história. É possível chegar na cidade de trem e de carro.

A história da Catedral da cidade

Esta catedral levou 140 anos para ficar pronta. Um de seus arquitetos foi o Arnolfo Di Cambio. Sua inauguração ocorreu em 1436. Também é chamada de Duomo de Florença.

 Logo na entrada, já vemos muitos mármores coloridos que atraem os turistas. O ingresso para o acesso à igreja custa em torno de 15 euros, lembramos que o ingresso tem validade de 24 horas, e nos permite visitar os seguintes lugares da igreja:

1- Cúpula;

2- Cripta;

3- Batistério;

4- Campanário.

Para chegar na Cúpula da Catedral, temos que subir cerca de 463 degraus, se você tem medo de altura recomendamos que não faça este passeio.

florenca

Piazza della Repubblica

É o marco zero da cidade desde a Era Medieval. A noite a praça fica toda iluminada, e há um lindo Carrossel Vintage perfeito para quem é amante de fotos. O acesso à praça é livre, pode ser de ônibus, carro ou mesmo a pé.

Galeria dell’Accademia

Aqui encontramos o David de Michelangelo, o preço médio para comprar o ingresso está por volta de 8 euros, é possível realizar uma compra antecipada para evitar filas, realizando um pagamento adicional de 4 euros.

 A visita ao museu é breve, já que se comparado a outros museus da  Itália este é bem pequeno, sendo possível até tomar um café calmamente.

No calor, peça um sorvete

Um dos mais famosos restaurantes da cidade é o Grotta Guelfa, nele você encontra não só a famosa bisteca Fiorentina, como outros pratos típicos da Itália.

 Outro restaurante muito indicado é o Da Gherardo, perfeito para comer uma deliciosa e tradicional Pizza Italiana. O mercado da cidade é outro ponto ideal, para quem deseja fazer compras e almoçar.

 Se você pretende levar algumas lembrancinhas sem gastar muito, este lugar é perfeito para você.

Saiba mais sobre Florença! Entre em contato!

Em nosso site, temos informações importantes para quem pretende conhecer essa região belíssima da Itália. Se você não sabe por onde começar, vale a pena seguir nossa sugestão de roteiros, ou mesmo personalizar a sua conforme sua necessidade.

 A  Itália tem acesso para todos os gostos e preços, cabe a você decidir qual tipo de roteiro pretende seguir. Em cidades como Florença, por exemplo, podemos montar apenas um roteiro gastronômico ou mesmo de artes.

 Para as visitas aos museus, recomendamos que você procure se programar e compre os ingressos antecipadamente, já que as filas costumam ser grandes.

 Visitar a Itália é possível, desde que você faça tudo planejado, e já tenha em mente os locais que pretende conhecer. Assim, a escolha dos pontos turísticos torna-se mais fácil, e você também tem melhor controle de seu dinheiro, já que os ingressos custam uma média de 8 euros cada.

michelangelo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: