O Santuário Franciscano de Monte Alverne

Localizado no Monte Alverne na Itália, o Santuário Franciscano de Monte Alverne (santuário della verna em Italiano), pertence a ordem franciscana e é certamente um locais de peregrinação mais visitados na Itália.

 Ele foi construído em 17 de setembro de 1224 onde de acordo com a tradição, são Francisco de Assis recebeu os estigmas. Ao propósito, Santuário Franciscano de Monte Alverne, está localizado no lado norte do Monte Alverne. O Monte Alverne também recebe o nome de Monte Penna e esta situado a 1.128m de altitude.

É certamente um dos mais importantes centros franciscanos, compreende um complexo de capelas, ermidas, hospedaria, convento e uma basílica. Além disso ele fica entre os rios Arno e o Tibre, e situa_se sobre um grande planalto.

São Francisco e Monte Alverne

Sua história se passa em 1213 quando São Francisco de Assis aos 31 anos junto com Frei Leone em missão na região marche. Ao evangelizar as pessoas que se encontrava no local durante uma festividade, e encontrou o nobre Orlando Di Chiusi Della Verna.

O Nobre que ali estava foi tocado pelas palavras nesse intenso encontro lhe ofereceu o monte e a área adjacente para ser criado um local de retiro e oração.

Com o tempo houve o surgimento em 1218 de algumas capelas e a igrejinha dedicada à nossa senhora dos anjos, em 1224 foi a última estadia de são Francisco de Assis no Monte Alverne.

Nessa época é provável que São Francisco já se encontrasse cansado e doente, quando imerso na oração, teve uma visão e sobre seu corpo recebeu as chagas que o acompanhou até a hora de sua morte.

Santuário Franciscano de Verna
Santuário Franciscano do Monte Alverne

 Após o milagre dos estigmas o papa Alexandre IV em 1260 tomou o local com sua proteção ampliando a igreja de santa Maria dos anjos, e a consagrou em presença de são Boaventura e numerosos cleros e poucos anos depois, Simone di Abttifolle ergueu nas proximidades a capela dos estigmas.

A Basílica e o campanário

A Basílica Madonna que de fato é o templo principal foi erguida em 1348, pela ordem do Conde Tarlato Di Pietramalae ela só foi completada em 1509 com a ajuda da Guilda L’arte Della Lana de Florença.

O estilo do edifício românico – renascentista  possuem diversos altares decorados com algumas das mais importantes obras de Andrea della Robbia.




Na capela das relíquias são preservados objetos pessoais do grande santo são Francisco de Assis, como cajado, flagelo e taça. Surpreendentemente encontramos um fragmento de tecido impregnado com o sangue dos estigmas.

O corridoio delle stimmate – corredor das chagas

A Capella Della Pietà fica localizada no lado esquerdo da Basílica teve sua construção terminada em 1532. Através de uma porta de arco edificado entre 1578 e 1582 enfim encontramos o corredor dos estigmas.

Nele certamente é realizada a procissão dos frades que caminham no local onde São Francisco de Assis recebeu os estigmas. Além disso, uma procissão acontece todos os dias desde 1431 às 15 horas.

A celebração da comunidade

Durante os meses de julho, agosto e setembro as missas são celebradas na Basílica. Os peregrinos são convidados pelos frades que estão no Monte de La Verna a unirem-se para a oração comunitária.

Verna
La Verna

A comunidade reza de novembro a março na Capela de Santa Maria Degli Angeli. Contudo, nos outros meses as orações são realizadas principalmente na Basílica

Nesses períodos, os grupos de peregrinos e os padres presentes na La Verna são convidados a participar das missas. Em caso de necessidade, você pode reservar lugares para celebrações.

Visitação do Santuário Franciscano de Verna

Santuário são Francisco de Verna

Abertura 6h30 (inverno e verão);

Encerramento 19h30 (inverno) 22h verão.

Museu

Abertura 10h à 12h30 e 14h às 17h;

Horário de funcionamento aos sábados, domingos e feriados e todos os dias no período de julho a agosto.

Sem sombra de dúvidas, o Santuário Franciscano de Verna, é uma das melhores opções em peregrinação na Itália, programe-se e viva pessoalmente esta emoção!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: