Peregrinação em Pádua

A Itália é um dos locais mais visitados durante o ano todo, o país recebe milhões de peregrinos que vão em busca de conhecimento e religiosidade. Assim, a cidade de Pádua, localizada no nordeste do país, não poderia ficar de fora da peregrinação dos devotos.

Porém, nem todos que fazem a peregrinação pela cidade são devotos ou possuem religiosidade cristã, muitos vão simplesmente para conhecer as principais obras e locais religiosos da cidade, que são simplesmente lindos.

Principais atrações da cidade de Pádua

– Basílica de Santo Antônio de Pádua

A Basílica de Santo Antônio de Pádua é a mais famosa e visitada da região, atraindo milhares de turistas. Ela é uma igreja que chama atenção pela sua história e por possuir um complexo arquitetônico que deixam seus visitantes impressionados.

Em uma peregrinação pela cidade, esse é um dos locais que não se pode deixar de visitar nunca pela sua importância, histórica, religiosa e cultural para a cidade.

– Cappella degli Scrovegni

Só é possível fazer visita na Cappella degli Scrovegni com agendamento prévio, onde é necessário comprar um ingresso para poder fazer um tour pela capela. Isso realmente mostra o quanto a pequena igreja de Pádua é bastante famosa e desperta o interesse de qualquer um que passa por lá.

 


A capela foi encomendada pela família Scrovegni e dedicada à Santa Maria della Carità. Os afrescos de Giotto presentes na capela retratam a vida da virgem Maria e comemoram o seu importante papel na salvação do homem. Eles são famosos e extremamente ricos em seus detalhes, são verdadeiras obras primas.

Na época em que foi construída, a capela possuía ligação com o palácio da família que a encomendou, onde havia uma entrada exclusiva pela sua lateral e também havia uma parte que era aberta à população.

– Chiesa degli Eremitani

A igreja dos Eremitas fica bem ao lado da Scrovegni, ela é pequena e bem linda. Porém, parte de sua estrutura foi bombardeada durante a segunda guerra mundial e é possível ver isso em seus detalhes até hoje, pois mesmo ótimos restauradores fazendo um excelente trabalho de restauração, ainda há marcas da guerra.

Vale muito a pena visitá-la em uma peregrinação, pois a igreja dos eremitas é um sinônimo de luta e fé.

– Catedral de Pádua

A Catedral de Pádua é considerada como a principal da cidade, mesmo não sendo tão comentada como outras. Ela é dedicada a Santa Maria Assunta e é classificada como a menor basílica.

Ela foi a terceira construção a ser realizada no local, pois a primeira foi destruída por um terremoto e a segunda era considerada muito simples para uma cidade como aquela, que possuíam outras grandes e exuberantes basílicas dedicadas a outros santos.

A catedral foi desenhada por Michelangelo e possui um interior bem rebuscado, onde abriga obras de arte e relíquias muito importantes.

No duomo de Pádua é onde está localizado o batistério, que é um ponto religioso importante da cidade e que atrai muita gente. Então, em uma peregrinação, esse é um dos lugares que devem estar no topo da lista.

– Chiesa di San Clemente

A igreja de São Clemente atualmente é dependente da Catedral de Santa Maria Assunta. Ao seu redor existem muitos prédios residenciais e também comerciais. Essa igreja tem uma fachada que fica de frente para a praça.

Ela é pequena, mas assim como a maioria das igrejas católicas, possuem uma riqueza em seus detalhes arquitetônicos, principalmente em seu interior. A sua fachada é bem simples se comparada com outras igrejas.

Em resumo…

Se você está em uma peregrinação, talvez seja possível economizar comprando o Padova Card, que é um bilhete que te dá 48 ou 72 horas para visitar algumas atrações pagas e concede também descontos em algumas.

Basílica de Santo Antônio de Pádua

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: